Supremo Tribunal Federal decide que governos não podem cortar o ponto de servidores grevistas

02/11/2016

O Supremo Tribunal Federal decide que governos não podem cortar o ponto de servidores grevistas quando governo praticar ilícitos, a exemplo de atrasos de salários, ou não cumprimentos de Leis.

O Reajuste anual está previsto em Lei, ou seja, vamos fortalecer nossas mobilizações pois agora os governos tem que dar reajuste, o percentual é que vai depender do processo de negociação e da mobilização dos servidores.

Confira a outra parte da decisão do STF que garante o direito de greve aos servidores públicos e as mídias não querem enfatizar pois o momento do governo é para desmobilizar o servidor público: https://goo.gl/qx2zC0


Veja também

Nota sobre o atual governo

Nota sobre o atual governo

08/09/2016 - Não é fácil fazer política em um país como o Brasil. Principalmente política que se sustenta na ch...

1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde adiada para 2018

1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde adiada para 2018

13/12/2017 - A etapa nacional da 1ª Conferência Nacional de Vigilância em Saúde (1ª CNVS) não irá mais ocorrer...

Plano de Saúde: muda a regra para ressarcimento

Plano de Saúde: muda a regra para ressarcimento

20/03/2017 - Portaria normativa editada pelo Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão (MP) define novas regras para a assist&ec...

Mesa Permanente de Negociação do SUAS de Sergipe

Mesa Permanente de Negociação do SUAS de Sergipe

19/08/2013 - Condições de trabalho na Fundação Renascer é prioridade na pauta da Mesa de Negociação do SUAS. Representantes sindicais, trabalhadores e SE...

NewsLetter

Cadastre-se e receba informações exclusivas por e-mail